Será uma revolução?

Será uma revolução? A primeira vez que ouvi Legião eu tinha 5 anos. Foi a minha tia Helena, fã de Elvis Presley, quem me alertou sobre a importância da Banda e do seu vocalista para o cenário musical brasileiro: – “Yve, você precisa escutar essa música, é do Renato Russo!”, alertando-me entusiasmada ao som deContinuar lendo “Será uma revolução?”

O retrato de um Brasil medieval

Melancólico, soturno, de estética progressiva. O álbum V da banda Legião Urbana é um documentário musicado de um país politicamente em retrocesso. O épico legionário-medieval é marcado pela vinheta Love Song que evoca a saga de um cavaleiro enfrentando a “verdade que assombra, o descaso que condena e a estupidez que destrói” o seu povoContinuar lendo “O retrato de um Brasil medieval”

Ninguém segura uma mulher segura

Umbigo O mundo é todo meu! Sempre tive problemas de relacionamento com a minha barriga. Discutíamos por tudo, principalmente quanto a sua teimosia. Rsrs A sua forma, não era aquilo que eu tinha imaginado, ou, melhor, era diferente do publicado nas revistas como modelo, perfeito e universal. Era mole, sem músculos definidos. Uma pochetinha inadequada.Continuar lendo “Ninguém segura uma mulher segura”

Yo Você We – Minhas Experiências com o amor

Oláaa!!! É com grande alegria que divulgo o lançamento do meu primeiro livro de poesia Yo Você We – Minhas Experiências com o Amor!!!!! Yo Você We é o retrato da minha narrativa pessoal em busca da excelência no amor romântico. O livro já pode ser encontrado Aqui para download Yo Você We  Se vocêContinuar lendo “Yo Você We – Minhas Experiências com o amor”

Dois Sóis

E entre nuvens, hoje o céu me apareceu mais claro. Os ventos também mudaram com movimentos lentos e calmos. Até os assobios entre os prédios nas noites de lua clara Transportavam a língua das metamorfoses para o etéreo. Trazendo uma vida com mais sabor, mais amor, mais paz. Era um mistério. Um elo entre oContinuar lendo “Dois Sóis”

O som do silêncio

Entrei em um silencio profundo; aquele da não adequação. Aquele da insatisfação . Era um enigma, eu mesma. Era o fim e o começo de uma história intensamente criativa, poderosa, capaz de mover céus para acontecer. Tinha uma necessidade de tirar o peso que estava na frente da minha visão, emoção, sensação. Faltava sair doContinuar lendo “O som do silêncio”