Babel

Você fala com os olhos Eu falo com as mãos Meu filho ‘pelos cotovelos’ Minha vizinha, mais do que o ‘homem da cobra’*! Falar Falar Mas, falar para quê? Falar é dizer? É revelar? É de fato desnudar? Permitir aos outros nos ver. Comunicar de fato o que há? Falar Falar… Muitos falam por falarContinuar lendo “Babel”